Lendo posts de cabo a rabo

Peguei no livro do Krug depois de muito tempo. Tinha-me esquecido como o livro dele é maravilhoso. Linguagem simples, divertida, e não precisa mais do que isso mesmo para passar a mensagem neste negócio de usabilidade. 8:)

No captulo dois, entitulado “Como realmente usamos a Web”, ele nos mostra que criamos websites corporativos ou informacionais pensando que o usuário irá percorrer todas as opções, uma a uma, para escolher a melhor para o que ele procura. Estamos pressupondo que o usuário é um leitor dedicado e que ele irá ler todo o texto ali no monitor mesmo.

Bem, vamos ser sinceros. Enquanto usuários, não fazemos isso. Nós procuramos enlouquecidamente por alguma dica do que pode ser o que estejamos precisando, de preferência que tenha um link para uma página com mais informações [que também não iremos ler direito].

Nos blogs não é diferente, apesar de não termos o costume de navegar pelos links [como foi visto no post sobre Arquivos]. Nós percorremos rapidamente os posts em busca de palavras-chave ou imagens-chave.

Se sua letra for miúda feito esta aqui, será difícil para o usuário achar uma palavra-chave [Ctrl + F] do seu interesse e ler o seu conteúdo. E por outro lado, se entupir sua página de imagens, elas demoraram para carregar e algum gráfico realmente interessante para o usuário pode passar desapercebido.

Estudo de caso:

  • eu só queria alguma crítica sobre o Age of Mythology na Equipe Games… não achei…
  • o Kibeloco é fantástico, mas insisti três vezes para ver todas as fotos da entrevista do Homem-Aranha.

Por | Alterado em 19/11/02 às 19:11

Comentários

Sem comentários. Seja o primeiro.

Faça um comentário

*