Twittetiquette

A sua “twittosfera” está saindo do controle? Não entre em pânico ainda. Veja a seguir alguns recursos e dicas para continuar sendo produtivo e acompanhar os hypes mantendo alguma sanidade mental.

  1. Não precisa seguir todo mundo que segue você. É algo gentil, mas aprenda que você pode ter admiradores e sua lista pode ficar impossível de acompanhar. Se resolver seguir, ligue as notificações por instant messenger (IM) e somente receba as mensagens de seus amigos. Desta forma, quando entrar em modo de procrastinação é só acompanhar via Web ou através de algum plugin ou programa cliente para o Twitter.
  2. Ligue o IM e a notificação por SMS, mas tenha cuidado com quem está na lista de notificação por IM. Seja criterioso senão seu celular não irá parar nunca de apitar.
  3. Saiba quando citam você ligando o modo paranóia. É possível rastrear todas as mensagens enviadas para você com um tracking. Digite no seu celular ou IM:
    track seunick

    Para desativar paranóia é só digitar:

    untrack seunick

    Isto serve para qualquer expressão: “track barcamprio”, “track nickdoseunamorado”, “track dogging São Paulo” e assim por diante.

  4. Saiba também quando estão falando com você por RSS. Vá até a tela Replies do seu perfil e assine o feed. A melhor ferramenta para isso é um cliente de e-mail, como o Thunderbird.
    Os replies são apenas interpretados desta forma quando o post começa com @nick (dica @crisdias). Portanto, o modo paranóia total é mais eficiente o tracking.
  5. Seus critérios para seguir ou não alguém são apenas seus! Ninguém precisa saber que foi rejeitado porque é um miguxo, um stalker ou um business bullshit generator.

Algumas ferramentas legais:

Se você tem alguma outra sugestão de twittetiquette, faça um comentário neste artigo!

Por | Tags: , | Alterado em 30/10/07 às 11:10

Comentários

  1. E eu que nem sabia o que era o Twitter, fui descobrir lá no Intercon!

    Escrevi em meu site um artigo sobre o Intercon, com algumas fotos: http://www.agni.art.br

    Leia tbm meu artigo no Web Insider:
    Conceitos de Design

    Até mais…

  2. Muniz disse:

    Alimentando ainda mais o vício…

    Eu não conhecia esse post do Mashable. Muito bom! E suas dicas também 🙂

  3. Nat disse:

    Eu queria fazer track pelo Twitbin, será que funciona?

  4. Nat, pelo teste que fiz aqui com o TwitterFox, não funciona não. Consigo mandar o comando de tracking, mas não recebo updates por ele. Bjs!

  5. mentel (rodrigo) disse:

    Muito bom, especialmente a parte das ferramentas.

    Uma nota: vi que se você responde mas usa dois pontos depois do nick, o twitter não interpreta como uma resposta.

    Um abraço!

  6. mentel (rodrigo) disse:

    Outra nota: parece que as respostas estão se comportando bem, estou desatualizado 😉

  7. Inside disse:

    Hum, não seguir todo mundo que segue você…
    Então eu sou especial 😀 Pois S1mone está me seguindo
    Não vou nem dormir hoje! hahahah

    Muito boas essas dicas, gostei do lance de paranóia

    []’s

  8. Siteja disse:

    Muito bom….
    …mas sem muita paranóia, hehehe.

    fw

Faça um comentário

*